MP cancela atos de Loira como prefeito    
 
O Ministério Público cancelou na tarde de hoje, 8, todos os atos praticados por Antonio Miguel Ferrari, como prefeito interino de Paulínia.

Segundo parecer do MP, “o interesse de Antonio Miguel Ferrari, de tomar o cargo de Prefeito Municipal, não é, em hipótese alguma, mais relevante que o interesse da sociedade paulinense de ter um mínimo de estabilidade e tranquilidade na chefia do Poder Executivo”.

Loira assumiu a presidência da Câmara no dia 1º de janeiro e no dia 04 foi empossado prefeito interino da cidade. Com a decisão do Ministério Público, o atual prefeito interino, Du Cazellato, continua no cargo até as eleições suplementares.
 

Prefeito Du Cazellato faz primeira reunião com parte do secretariado 
 
Em reunião realizada na manhã desta quinta-feira, o chefe do Executivo pediu celeridade em ações imediatas

O prefeito Du Cazellato realizou na manhã desta quinta-feira, 29 de novembro, a primeira reunião com seu secretariado desde que assumiu o cargo em 7 de novembro. Aproveitou para falar dos seus planos para o governo, alinhar o trabalho de cada secretaria para este final de ano e projetar ações para 2019. “Mesmo sem definir todos os nomes, precisamos traçar nosso plano de governo e metas para a continuidade dos trabalhos. Para isso, solicitei que cada secretário comece a definir ações individuais e coloquem em prática imediatamente”, revelou o prefeito.

Em suas observações, o prefeito mostrou sua preocupação com todas as pastas e, principalmente, com Educação e Obras. “São duas pastas que precisam de uma atenção especial, principalmente nesse trabalho simultâneo que pedi que realizassem no período do recesso escolar. “Quero todas unidades escolares nas melhores condições e para isso tracei juntamente com a secretaria de Obras um trabalho de manutenção e limpeza”, explica. 

O prefeito observou também que mesmo com a exoneração de um grande número de comissionados conta com a colaboração de todos para que os serviços essenciais sejam bem feitos. “As mudanças da estrutura administrativa vai trazer uma boa redução em nossa folha de pagamento. Também estamos finalizando as análises em todos os contratos existentes, aqueles que apresentarem problemas jurídicos serão eliminados e vamos focar em um plano de contingência de gastos. Precisamos de uma gestão de contenção de despesas”, expôs o chefe do Executivo.

Com a chefe de Gabinete Rita Coelho representando a Secretaria de Assistência Social após o pedido de exoneração feito pelo secretário Genézio Pires Luiz, participaram da reunião Jorge Israel (Meio Ambiente), Ademar Palma Júnior (Negócios Jurídicos), Sérgio Zanovelo (Planejamento Urbano), Leonardo Ballone (Chefia de Gabinete), Rodrigo Nali (Cultura), Meire Muller (Educação), Ede Carlos de Jesus (Esportes), Lúcia Giunco (Finanças), Leonardo Viu (Habitação), Marcelo Mello (Obras), José Guimarães (Recursos Humanos), Laércio Giampaoli (Transportes), Carlos Alberto Grilo (Turismo).

 

 



Prefeito Du Cazellato Confere obras
 
 
   
  A Prefeitura de Paulínia, por meio da Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos, finalizou nesta semana a instalação de lombadas e parte da sinalização de solo. A implantação da lombofaixa atendeu uma reivindicação antiga da população dos arredores da Avenida Antonio Batista Piva, próximo à Rua João Semartelli e Supermercado Calegaris, entre os bairros Monte Alegre e Primavera. Com a equipe no local, a pedido do prefeito, também foi solicitado a extensão de uma calçada com o objetivo de dar mais segurança e acessibilidade às pessoas. Na manhã desta sexta-feira, 23 de novembro, o prefeito Du Cazelatto fez questão de ir até o local e conversar com funcionários e também moradores das proximidades.

Desde que assumi tive pouco tempo para sair do meu gabinete. Como já disse anteriormente, infelizmente, assumimos a prefeitura em um momento difícil para todos. Minha preocupação nessas duas semanas foi rever os principais contratos de todas as secretarias, buscar mecanismos para reduzir custos e diminuir a burocracia para tirar do papel as necessidades imediatas. Hoje é praticamente o primeiro dia que tive disponibilidade para acompanhar pessoalmente os trabalhos e, já adianto, que o meu objetivo é fazer isso frequentemente”, revela o prefeito.
 




Prefeito Du Cazellato inicia reforma administrativa
 

Com 14 secretários exonerados, total de servidores demitidos deve chegar a 300 e atende determinação judicial
 
              
O prefeito Du Cazellato – que foi empossado no cargo na quarta-feira, 7 de novembro, - já iniciou mudanças em sua equipe de governo. Na última segunda-feira, 12 de novembro, exonerou somente do primeiro escalão 14 secretários dos 21 que compunham o governo na administração anterior e também definiu o corte de 10 Chefes de Gabinete. Nesta terça-feira, 13 de novembro, 17 Assessores Especiais de Políticas Públicas também foram exonerados, totalizando 41 cargos. Nesta quarta-feira, 14 de novembro, as exonerações vão atingir mais de 250 servidores comissionados com cargos de diretoria de departamento e outras funções.

Na avaliação de Cazellato, para superar esse momento difícil é extremamente necessária a compreensão de todos, principalmente para atender os questionamentos da Justiça tanto no âmbito do quadro de servidores comissionados, como também dos gastos resultantes da folha de pagamento. “Precisamos aproveitar esse momento de transição para acabarmos, de uma vez por todas, com as pendengas e irregularidades que a prefeitura está enfrentando e já foram apontados pelos órgãos responsáveis”, explica o prefeito.

Esses problemas, revela Cazellato, em primeiro lugar é referente ao acórdão de uma Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADIN) em que o Ministério Público aponta irregularidades na atual estrutura administrativa da prefeitura. Além disso, ressalta que a atual de folha de pagamento está infringindo a Lei de Responsabilidade Fiscal com um gasto que excede o limite de máximo permitido.

Superando essas dificuldades, o prefeito Cazellato reafirma seu compromisso à frente da administração municipal. “Meu principal objetivo é trabalhar para que não tenhamos mais nenhum problema na esfera Judicial e possamos conduzir a nossa cidade com transparência, seriedade e voltado para o bem do povo paulinense”.

Secretários Exonerados

Secretário de Planejamento e Controle Urbano
Vlamilson Vieira

Secretário de Administração
Washington Carlos Ribeiro Soares

Secretário de Defesa e Desenvolvimento Meio Ambinete
Vicente de Paulo B. M. Souza

Secretário Chefe de Gabinete
Reginaldo Vieira

Secretário de Cultura
Fernando Henrique Queiroz Mais

Secretário de Desenvolvimento Econômico
Rui Rabelo

Secretário de Educação
Luciano Bento Ramalho

Secretário de Esportes
Caio Carneiro Campos

Secretário de Governo
Flávio Xavier de Souza

Secretário de Defesa Civil
José Carlos Campos Almeida

Secretário de Recursos Humanos
Pedro José Gonçalves

Secretário de segurança
Emerson Baptista de Oliveira

Secretário de Negócios da Receita
Eduardo Berenguel

Secretário de Obras e Serviços Públicos
Valdir Terrazan

         O prefeito interino fez questão de passar pelas 21 repartições instaladas no Paço Municipal
Em seu segundo dia à frente da Prefeitura Municipal de Paulínia, o prefeito interino Du Cazellato visitou todas as secretarias instaladas no Paço Municipal, se reuniu com os atuais secretários e aproveitou para conversar com servidores a respeito de suas atividades diárias.

“Ninguém trabalha sozinho. Por isso, hoje fiz questão de me apresentar para os funcionários do Paço e me colocar à disposição de cada um deles. Agradeço a receptividade e espero contar com a dedicação e empenho de todos principalmente nesse período difícil. Precisamos, sempre juntos, buscar excelência no atendimento prestado aos cidadãos de nossa cidade”, afirmou o prefeito.

Du Cazellato foi empossado prefeito interino de Paulínia na noite da última terça-feira, 7 de novembro, em cerimônia realizada na Câmara Municipal e no final da tarde de quinta-feira, 8 de novembro, assumiu oficialmente o cargo de prefeito interino.

Ednilson Cazellato, 47 anos, popularmente conhecido como "Du Cazellato", é nascido e criado em Paulínia, casado, católico, pai de dois filhos e empresário.
Atualmente exerce seu segunda mandato como vereador, sendo eleito pelo PSDB em 2016, com 1413 votos e presidindo o Legislativo desde o começo de janeiro de 2017.
À frente da Câmara Municipal de Paulínia promoveu uma série de cortes de gastos devolvendo em seu primeiro ano R$ 4,6 milhões aos cofres do Executivo.
Atualmente também é presidente do diretório municipal do PSDB.